ARIPUANÃ, Sexta-feira, 24/09/2021 -

NOTÍCIA

Aripuanã: Polícia Militar prende em flagrante homem que matou colega de trabalho em alojamento de madeireira

Data: Segunda-feira, 12/07/2021 14:41
Fonte: JUÍNA NEWS

Policiais Militares da cidade de Aripuanã, MT, prenderam ainda em flagrante delito na manhã desta segunda-feira, dia 12 de julho, um homem, de 49 anos, que matou seu colega de trabalho dentro de um alojamento de uma madeireira na noite deste domingo, dia 11 de julho.

Durante uma confusão, a vítima, Marcos Roberto Garcia Schwanz, de 32 anos, foi separar uma briga dos colegas de trabalho, quando José Carlos Pereira Da Silva (alojado) em posse de uma faca desferiu um golpe em Marcos Roberto no ombro esquerdo, e mesmo sendo socorrido e levado ao hospital, a vítima não resistiu e veio a óbito.

Após tomar conhecimento do crime a polícia militar passou a realizar diligências durante toda a madrugada para localizar e prender o suspeito, empresas de ônibus, táxi e mototáxi foram avisados caso visualizassem o suspeito para comunicar imediatamente a polícia.

Segundo a PM, para prender o homicida foram realizadas abordagens a indivíduos em fundada suspeita, barreira em pontos estratégicos, bem como buscas de novas informações que levassem até o paradeiro do suspeito do homicídio.

Pela madrugada, foi recebido informações que havia um homem caminhando pela rodovia 208, sentido Juína, no entanto, durante diligências os policiais não conseguiram encontrar o suspeito.

Pela manhã, os policiais então foram checar uma nova denúncia informando que um cidadão com as características do suspeito estava embarcando em um ônibus cerca de 10 km do município sendo abordado pela guarnição, ele tentou ludibriar a polícia mentindo seu nome, porém durante revista pessoal foi encontrado sua carteira contendo seu verdadeiro nome, e ele acabou confessando a autoria do crime.

Preso, o suspeito disse aos policiais militares que a faca utilizada no crime estava escondida as margens da estrada próximo de onde ocorreu o crime.

O homem foi preso em flagrante e levado para à delegacia de polícia, ele se preparava para fugir para o estado do Maranhão, onde reside seus familiares.

O caso seguirá com a Polícia Judiciária Civil.