ARIPUANÃ, Sexta-feira, 12/04/2024 -

NOTÍCIA

Produção de carnes no Brasil atinge novo patamar

O volume combinado de carne bovina, suína e de frango aumentou.

Data: Terça-feira, 20/02/2024 19:25
Fonte: Por: Leonardo Gottems/ Agroin

Os primeiros números preliminares divulgados pelo IBGE sobre a produção operacional de carnes no quarto trimestre de 2023 já fornecem uma visão inicial do panorama total da produção no ano anterior.

De acordo com dados do Suisite, o volume combinado de carne bovina, suína e de frango aumentou em 5,5% em comparação com 2022, totalizando 27,5 milhões de toneladas, o que representa um acréscimo de quase 1,5 milhão de toneladas .

O destaque desse aumento é a carne bovina, que registrou um incremento superior a 11% em relação ao ano anterior, acrescentando 900 mil toneladas ao volume total.

Enquanto isso, a produção de carne de frango, representando 48,40% dos abates totais, aumentou aproximadamente 3,5%, alcançando 13,3 milhões de toneladas, um acréscimo de quase 450 mil toneladas.

Quanto à carne suína, houve um aumento de 2%, adicionando pouco mais de 100 mil toneladas ao total, chegando próximo a 5,3 milhões de toneladas.

Com o expressivo crescimento na produção de carne bovina, sua participação no total produzido aumentou em mais de 5% em comparação a 2022, representando agora 32,38% do volume total.

Em contrapartida, as carnes suína e de frango viram sua participação diminuir. A participação da carne de frango caiu quase 2% em relação a 2022, enquanto a carne suína teve uma redução de 3,35%, representando agora 19,23% do total.

É importante ressaltar que o levantamento do IBGE abrange exclusivamente os abates realizados em estabelecimentos sob inspeção federal, estadual ou municipal.